segunda-feira, 22 de julho de 2013

Dos moinhos de vento da Serra da Atalhada







Penacova está aqui tão perto e, até há pouco tempo, nunca tinha ouvido falar nos moinhos de vento da Serra da Atalhada. Tardei, mas não falhei. Fui à descoberta. E cheguei a um lugar onde me apeteceu ficar. Ali permaneci algum tempo, abraçada pelo vento e embalada pelo cheiro caloroso da urze. É um belo sítio para passar uma tarde, em redor de piqueniques, boas conversas e livros envolventes.
 Foi por iniciativa do Centro de Convívio do Zagalho e Vale do Conde, com o apoio da autarquia de Penacova e do IPJ, que os moinhos sobreviveram à ruína, transformando-se em turismo rural. Os 23 moinhos de vento, que foram construídos há séculos e que serviam para a moagem de cereal, fazem agora parte de um complexo turístico, que inclui ainda um bar e um restaurante, para quem quiser alimentar algo mais além do espírito.